STJ pretende pagar até R$ 58,5 mil com a compra de becas de ‘primeira linha’

Fonte: O Tempo (30.03.2020) | Autoria: Fransciny Alves

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) pretende empenhar até R$ 58,5 mil com aquisição, conserto e ajuste de becas de gala e capas para ministros, advogados, secretários e atendentes. As vestimentas devem ser de “primeira linha”, conforme o edital da licitação.

(…)

Por se tratar de uma licitação cuja modalidade é a de registro de preço, a previsão é de entregas parceladas, quando o STJ julgar conveniente.

[Reportagem completa em O Tempo]