Três em cada 10 motoristas com carteira suspensa em Florianópolis entraram com recurso

Fonte: Diário Catarinense (20.07.2017) | Autoria: Karine Wenzel

Parece longe de se concretizar a estimativa do Departamento de Trânsito em Santa Catarina (Detran-SC) de que 541 mil motoristas catarinenses iriam ter a carteira nacional de habilitação (CNH) suspensa neste ano porque atingiram 20 pontos ou mais em infrações em um período de 12 meses entre 2012 e 2016. O número representava 15% do total de 3,5 milhões de condutores do Estado e era justificado pela implantação de um sistema automatizado para suspensão do direito de dirigir pelo Detran/SC.

(…)

Dados fornecidos pelo Detran-SC por Lei de Acesso à Informação a pedido do DC apontam que cerca de 30% dos 11,7 mil condutores notificados até agora entraram com recurso contra a suspensão. As defesas ainda estão em análise.

[Leia a reportagem completa no Diário Catarinense]